banner-osteopatia-pediatrica.jpg

Osteopatia Pediátrica

Como funcionam as consultas?

Antes do tratamento

Na primeira consulta é feita uma entrevista e uma avaliação física criteriosas a fim de perceber quais as estruturas afetadas e quais as possíveis causas para os sintomas.

Durante o tratamento

O osteopata usará técnicas manuais dirigidas às estruturas em disfunção.

No final do tratamento

É feita uma reavaliação e planeia-se necessidades futuras, que poderão passar pela continuidade das sessões de osteopatia e/ou pelo ênfase no trabalho postural ou exercício terapêutico.

Em que situações devo recorrer à Osteopatia Pediátrica?

Esta área é essencialmente preventiva e pretende conferir à criança condições ideias para o seu desenvolvimento, podendo ajudar em alterações gastro-entestinais (refluxo, cólicas), pertrurbações do sono, choro constante, etc. O conjunto de técnicas suaves e indolores, devolvem aos diferentes segmentos a sua mobilidade normal, possibilitando um desenvolvimento simétrico e prevenindo disfunções que daí possam surgir.

osteopatia-pedriatrica-destaque.jpg

Sabia que?

Pela posição do feto na barriga da mãe, onde cada vez há menos espaço livre e, posteriormente com o momento do parto (em que é comum o uso de forceps, ventosas, etc), a frágil estrutura óssea do bebé pode ser afetada, ainda que não sendo visível a olho nu?